Category Archives: Organização da casa

Dicas para uma boa lavagem da roupa

Manter sempre a roupa cuidada, suave e bem lavada não é tarefa fácil, muito menos para quem está a começar a aprender. Há uma série de aspetos a ter em atenção, como as cores das peças, as dosagens, o tempo e a temperatura de lavagem, porque um pequeno erro na escolha do programa de lavagem da máquina e a roupa encolhe, fica tingida e com nódoas que não se conseguem eliminar.

Indicamos algumas dicas fáceis e seguras que deve ter em atenção para que a sua lavagem de roupa decorra de forma mais vantajosa e as suas roupas durem muito mais tempo.

1. INDICAÇÕES A TER EM CONTA ANTES DE PÔR A MÁQUINA A LAVAR

Separar a roupa
A lavagem da roupa começa muito antes de a colocar na máquina de lavar, inicia-se com a separação da roupa, atendendo à sua cor e resistência.

Deve começar por separar a roupa mais delicada – como as peças de lã, de seda ou de algodão. De seguida deve separar as peças de roupa de cor das peças brancas ou claras e as peças que podem levar lixívia das que não podem. Se tem dúvidas relativamente à resistência da cor, faça um pequeno teste: coloque um pouco de água quente num local pouco visível, sobreponha um pano branco e passe o ferro por cima; se este ficar tingido, é porque a peça vai tingir.

Pôr roupa de molho
Não deixe as peças mais de duas horas de molho, porque os micróbios presentes na roupa suja, deixam mau cheiro na roupa.

Ler muito bem as etiquetas
Deve ter em atenção as instruções indicadas nas etiquetas da roupa para se certificar da lavagem correta (à mão, à máquina ou a seco).

Escolher o ciclo de lavagem e a temperatura da água
A composição das peças de roupa faz variar a temperatura e o programa de lavagem.

  • Tecidos mais delicados como o linho, algodão, seda, ou lã, encolhem se lavados a altas temperaturas e as peças ficam deformadas se estendidas na vertical.
  • Os tecidos sintéticos devem ser lavados em água morna e passados a ferro do avesso.
  • As peças de ganga devem lavar-se sempre do avesso e com a temperatura da água nunca superior a 40 graus centígrados.

Utilizar as doses de detergente recomendadas
uso de detergente em excesso deteriora o ambiente e danifica a roupa, porque dificulta a dissolução do mesmo e, por isso, causa nódoas.

Colocar a carga de roupa correta
Coloque sempre que possível a máquina a lavar com a carga máxima, poupando energia e água, mas nunca coloque carga a mais, pois esta fica mal lavada e estraga a sua máquina. Para ter noção da quantidade de roupa, encha a máquina e coloque a mão fechada dentro do tambor – deve ter espaço suficiente para a mão e o pulso se movimentarem livremente.

2. OUTRAS DICAS PRÁTICAS

  • Ao colocar a roupa na máquina, verifique os bolsos das calças e dos casacos e feche todos os fechos para não rasgar.
  • Para não perder meias ou deixar meias sem par entre o momento em que vão para a roupa suja e a hora de as arrumar na gaveta, mantenha-as sempre juntas. Para isso, basta dobrá-las antes de as pôr no cesto da roupa suja e, quando as puser a lavar, faça uma dobra na abertura da perna (também poderá prendê-las com um elástico ou colocar prendedores próprios). Estenda sempre o par e, quando apanhar a roupa, dobre logo as meias.
  • Retire sempre a roupa da máquina, mal esta acabe de lavar, sacudindo-a e esticando-a, porque se a roupa ficar muito tempo na máquina ganha vincos, o que dificulta a tarefa de passar a ferro.

Estas indicações a ter em conta na lavagem da roupa, que parecem tão simples, podem fazer toda a diferença para manter a roupa limpa, perfumada e bem organizada.

Como remover espelhos colados na parede

Muitas vezes, a presença de um espelho na parede do corredor, do quarto ou mesmo na parede da casa de banho tem como objetivo transmitir maior profundidade e dimensão do espaço. Mas ao realizar pequenas alterações ou renovações em casa, por vezes é necessário tirar o espelho de onde estava fixado.

Remover o espelho de parede é um grande desafio, mas nada que não se consiga com um pouco de paciência e alguns utensílios domésticos adequados, além da ajuda de outra pessoa. Não se esqueça que o espelho pode partir, estilhaçar ou mesmo cair e tornar a sua remoção num trabalho perigoso, por isso é preciso ter em atenção algumas medidas de segurança como o uso de óculos e luvas.

Algumas sugestões a ter em atenção ao remover espelhos colados na parede.

Utensílios indispensáveis:

  • Lençol ou pano velho
  • Fio dental, arame ou fio de anzol
  • Fita adesiva
  • Luvas grossas
  • Óculos
  • Calças compridas, camisa de manga comprida
  • Botas de borracha
  • Secador
  • Vassoura
  •  Aspirador

Procedimentos para a remoção:

  1. Tape o espelho com o lençol ou pano velho e coloque fita adesiva em toda a superfície do espelho, para evitar que os vidros se espalhem pela divisão, caso o espelho se parta.
  2. Construa uma serra caseira, com o fio dental, arame ou fio de anzol, em que o seu comprimento seja maior dois a três metros que o espelho que vai remover.
  3. Vista umas calças compridas, camisa de manga comprida, botas de borracha, luvas grossas e coloque os óculos de proteção, para evitar magoar-se com os pedaços de vidro que possam surgir.
  4. Com o secador de cabelo , aqueça o espelho, com a finalidade de a cola ficar mais maleável – regule o secador para a temperatura mais elevada e, lentamente, passe o secador por todo o espelho para realizar um aquecimento uniforme. Durante este processo, peça ao seu ajudante para segurar o espelho, para que não parta na eventualidade de se descolar.
  5. Levante as extremidades do espelho, com a ajuda de uma espátula, para retirar toda a cola presente nos cantos. Nesta fase, também precisa que a pessoa que o está ajudar segure no espelho, para o caso de se descolar.
  6. Com a serra feita com o fio dental, arame ou fio de anzol, faça-a passar entre a parede e o espelho. A partir das extremidades superiores do espelho, puxe a serra para trás e para frente, passando por toda a cola, até que este solte da parede.
    Um segundo ajudante deve estar presente nesta fase para segurar o espelho quando este se soltar.
  7. Finalmente, limpe todo o espaço, com muito cuidado. Comece por colocar os vidros maiores diretamente no balde do lixo, em seguida agarre no lençol e despeje os vidros e os resíduos de cola para o lixo. Por fim, com a vassoura, limpe os pedaços de vidro mais pequenos e aspire toda a área para retirar os pedaços pequeninos, evitando que alguém se corte nos resíduos de vidro que possam ter ficado.

Como limpar a casa

Todos gostamos de visitar ou de estar numa casa limpa e organizada. Mas, atualmente, com o stresse do dia a dia e as crianças, parece uma missão quase impossível. Para que limpar a casa não seja uma missão impossível, é necessário efetuar um plano, definindo o tempo disponível para a limpeza e se a mesma é superficial ou profunda. Deste modo, pode beneficiar de uma casa limpa e organizada.

Seguem-se algumas dicas para realizar a limpeza de sua casa gastando o mínimo de tempo e energia possíveis.

  • Antes de mais, para se distrair do trabalho árduo que pode ser a limpeza da casa, faça-o com música, para lhe transmitir alegria e boa disposição.
  • Comece por organizar todos os produtos necessários para limpar a casa, colocando-os num compartimento fácil de transportar por todas divisões.
  • Antes de iniciar a limpeza de qualquer divisão da casa, deve retirar todos os objetos que não pertençam aí, assim como o lixo.
  • Comece a limpeza pelas divisões mais difíceis ou que gosta menos de limpar, uma vez que está menos cansada e ficará com mais disposição para realizar a restante limpeza.
  • Para que não esteja sempre a limpar no mesmo sítio, a limpeza deve começar de cima para baixo, e sempre no sentido dos ponteiros do relógio, a partir da porta para que não se esqueça de nenhum canto.
  • Com uma vassoura, limpe o teto e cantos de parede para que não se formem teias de aranha, passando de seguida, um pano no cimo das estantes, armários ou outra qualquer superfície alta, deixando que a poeira assente e, por fim, limpe o chão.
  • Para realizar a limpeza das prateleiras, não retire todos os objetos de uma só vez, mova-os para o lado enquanto limpa o outro e vice-versa.
  • Para evitar a perda tempo ao lavar a loiça à mão, esta deve ser lavada logo que é utilizada, não permitindo que os restos de comida sequem. Lave os pratos de ambos os lados e deixe-os secar e não enxugue a loiça (à exceção das peças de inox), coloque-a no escorredor e deixe-a secar ao livre.
  • Em relação à roupa da cama, sempre que possível, substitua as colchas por edredons colocados por cima dos lençóis, que tornam muito mais rápida e fácil a arrumação do quarto.
  • Ao limpar a fundo os espelhos e janelas, comece por lavar os vidros com uma solução de água morna e um detergente com amoníaco, e uma pano de microfibra, que não arranha a superfícies nem deixa fiapos.

Não obstante as vantagens de todas as sugestões anteriores, há uma que deve ter em especial atenção – sempre que sujar limpe.  Não deixe acumular muita sujidade nas divisões da casa, porque depois terá de realizar uma limpeza exaustiva e cansativa. Esta simples sugestão, permitirá reduzir o tempo e o desgaste pessoal para limpar a casa.